Dicas de pintura


Existe uma ordem para pintar um ambiente?

Pintar um ambiente na ordem correta economizará tempo e dinheiro. Comece pelo teto (1), paredes (2), portas (3), janelas (4) e finalmente, pinte o rodapé (5). Se o acabamento final for feito com papel de parede, toda a pintura deve ser terminada primeiro.

Que tipo de rolo devo usar?

Os rolos são ideais para áreas grandes como paredes ou tetos.

Existem vários tipos de rolos para pintura, e a escolha apropriada depende do tipo de tinta que você planeja usar:

– Rolo de lã pêlo baixo (sintética ou de carneiro) – indicado para tintas PVA E ACRÍLICA.

– Rolo de espuma – indicado para esmaltes, tinta óleo e vernizes.

– Rolo de espuma rígida ou borracha – indicado para dar efeito em textura.

Que tipo de pincel devo usar?

Para melhores resultados use sempre pincéis de boa qualidade. A qualidade do pincel tem um efeito direto na qualidade do acabamento e na facilidade com a qual a tinta é controlada e aplicada.

Os pincéis também conhecido como trinchas podem ser encontrado de vários tamanhos e cores:

– Cerdas escuras – indicados para aplicação de tintas a base de solvente como os esmaltes, tintas óleo e vernizes

– Cerdas grisalhas – indicado para aplicação de tintas à base de água como as tintas PVA E ACRÍLICA.

O tamanho do pincel varia de acordo com a área a ser pintada.

É possível conservar materiais de pintura após o uso?

Para aumentar a vida útil dos pincéis e rolos, é essencial limpá-los logo após o uso e depois guardá-los de maneira correta.

Para tintas a base solvente – esmaltes, vernizes, tinta óleo: Após o uso limpar o rolo ou pincel tirando o excesso com jornal, lavando com Coralraz ou Thinner, lave novamente com água e sabão enxaguando em seguida.

Importante – dependendo da qualidade do material utilizado o thinner poderá reagir com o material estragando o produto.

Para tintas a base de água: Tinta Acrílica e PVA: Após o uso é recomendável lavar os pinceis com agua e sabão.

Dica: Para garantir a conservação dos seus pincéis, arrume as cerdas com um pente, umedeça-os com óleo vegetal e guarde-os enrolados em papel impermeável.

O que faço com a tinta que sobrou?

Se deseja guardar a tinta que sobrou, guarde-a em um lugar coberto, sempre na posição vertical e sem movimentação.

Tintas que ficam guardadas por muito tempo podem formar uma película resultante da ação do ar. Para evitar isso, tampe bem a lata.

Se não deseja guardar a tinta, doe-as a amigos ou vizinhos ou a instituições de caridade. Nunca a despeje pelo ralo ou em outros cursos de água.

Devemos fechar a lata de maneira que não exista a possibilidade da entrada de ar.

O local não deve ter umidade ou calor excessivo.

Em caso de esmalte, tinta óleo e vernizes recomendamos colocar sobre a superfície um pouco de Coralraz, isso irá ajudar impedindo o contato direto com o ar da embalagem.

Fonte: http://www.tintascoral.com.br/guiadePintura/dicas/

Tags:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

close
Facebook Iconfacebook like buttonTwitter Icontwitter follow button